fbpx

A Importância do Autoconhecimento na Carreira Profissional

Está tendo dificuldades em descobrir o que você quer para a sua vida? Bom, isto pode ser um problema de autoconhecimento, ou melhor, a falta dele. Pensando nisso criamos este artigo, para que assim você entenda melhor esta prática.

Contudo lembre-se que estamos falando sobre você, sem te conhecer. Assim você deverá converter nossas informações para a sua realidade, para que assim faça sentido. Portanto se analise, e pense em suas atitudes em todo o decorrer de sua vida.

Não tire conclusões por ter feito algo uma vez ou outra, mas sim compare os seus desejo com sua realidade. Desta forma, você saberá alinhar quem é você e o que você deseja para a sua vida.

Com isso em mente, você poderá começar a entender o autoconhecimento.

 

O que é autoconhecimento?

O autoconhecimento visa ser um estudo onde você visa se conhecer melhor. Desta forma você irá se analisar e avaliar suas atitudes a partir de seus valores éticos e morais.

O autoconhecimento é muito importante para pessoas que não sabem o que deseja da vida, que não possuem ambição ou sonhos. O autoconhecimento irá ajudar o individuo a se entender e assim determinar seus objetivos.

Desta forma ele entenderá seus gostos e desgostos, o que o faz feliz e infeliz e tudo aquilo que faz sentido na sua jornada nesta vida e o que deve ser eliminado. Assim o individuo irá se melhorar e finalmente conseguirá ser o que mais deseja, ser você mesmo.

Já que você está tentando entender mais sobre você, pode ser que se interesse por teste de personalidade.

 

Eu não me conheço suficiente?

Provavelmente a resposta desta pergunta é não! Isso ocorre pois estamos em constante mudança, onde podemos até mesmo ser influenciados sem saber.

Por exemplo, uma vez fui com uma amiga para comprar um agasalho de frio. Nesta encontrei uma blusa que amei, contudo a mesma era extravagante e diferente. Nesta, minha amiga encontrou um blusa mais comum e muito bonita também.

Devido a insistência de minha amiga, acabei levando a blusa na qual ela escolheu. Enfim, percebi que por mais que eu tenha preferência em algo, devido ao pensamento de outra pessoa, mudei de ideia.

Leia também:  Marketing Pessoal: Como desenvolver essa técnica empresarial

Por mais besta que isso possa parecer, isto é um problema de autoconhecimento. Pois eu não me conheço o suficiente para estabelecer aos outros os meus gostos, e assim sinto-me envergonhado. Desta maneira acabo me deixando levar pelos gostos alheios, pelo mesmo parecer melhor que o meu.

Por isso é importante ter o autoconhecimento, para termos certeza de nossos gostos e decidir as coisas por conta própria.

 

Como eu melhoro meu autoconhecimento?

Para ter um bom autoconhecimento existem diversos pontos a serem analisados. Portanto primeiramente você deverá saber que:

mentor profissional autoconhecimento corpo

Veja também sobre tipos de inteligência para entender mais sobre você.

 

Não temos total controle de nossos pensamentos

Primeiramente você deverá saber que você não é tudo o que você pensa. Assim percebemos que muitas coisas tomamos atitudes sem pensar e acabamos por nos arrepender.

Lembre-se que nosso cérebro funciona de uma forma muito diferente. Desta forma tenha em mente o consciente e o subconsciente. Algumas vezes fazemos coisas que estão tão enraizadas em nos, que acabam sendo feitas automaticamente.

Assim, tenha consciência desta tendência, e veja onde a mesma dente a pender e como controlar. Desta forma você perceberá que possui costumes errados e que precisam ser arrumados/melhorados.

Portanto sempre tente entender o porque que você tende a tomar essa atitude. Procure uma razão para isso, no começo parecerá maluquice, mas com o tempo você perceberá que existe um motivo.

 

Aceite-se como você é

Após analisar que fazemos coisas inconscientemente e o porque disso você deverá começar o processo de aceitação. Isso não quer dizer que você deverá aceitar esta tendência, contudo você deverá aceitar que a mesma acontece.

Após isso, você poderá começar o processo para reparar qualquer costume negativo. Para isso você deverá analisar qual problema é realmente negativo e qual é uma válvula de escape.

Assim lembre-se que nosso cérebro tenta nos proteger. Portanto algumas de nossas atitudes inconscientes pode ser para proteção.

Desta maneira analise a situação, veja formas de se proteger mais saudáveis e se realmente existe algo que você tenha que se proteger.

Leia também:  Vídeo conferência: Suas reuniões agora feitas em casa

Lembre-se que estamos tão acostumados com nos, e nossa vida que entramos em piloto automático. Desta forma acabamos por esquecer porque temos alguns costumes e o mesmo pode perder o controle.

 

Mude aos poucos o que não lhe agrada

Conforme você for entendendo seus trejeitos, você se sentirá insatisfeito com algumas coisas. Desta forma, você não deverá engolir este problema e conviver com ele, muito pelo contrário.

Agora é a hora perfeita para você começar a moldar este costume em algo mais proveitoso. Desta forma, aos poucos, vá policiando-se para não fazer mais esta tendência. Ou até mesmo melhor, procure uma maneira de usar essa tendência positivamente.

Desta maneira você poderá até mesmo descobrir um dom que você sempre teve e nunca percebeu. Ao invés disto você poderá criar um novo costume mais positivo, com o aprendizado que obteve.

 

Use o autoconhecimento para entender seus limites

Além disso tudo, o autoconhecimento te dará uma arma poderosa, que é de conhecer seus limites. Desta forma, você dificilmente fará algo que não dará conta, ou então optará por fazer algo de uma maneira impossível para você.

Você perceberá que cada individuo é único e cada pessoa funciona de uma maneira diferente. Isso lhe abrirá uma visão bem mais ampla sobre o mundo, onde perceberá diversas maneiras de fazer algo.

Assim você poderá encontrar o que melhor combina com você ou criar uma maneira que combine melhor com você. Desta forma você saberá alinhar melhor seus prazos, metas e limites.

 

Use o autoconhecimento para praticar a empatia

Se conhecer é uma arma fenomenal, pois além de saber sobre você mesmo, você cria empatia pelos outros. Desta forma, ao entender seus limites, dificuldades e etc. Você aprenderá também a respeitar a realidade do outro.

Desta forma você aprenderá a ter mais empatia e assim conseguir lidar melhor com todas as pessoas. Portanto sempre analise as pessoas, veja suas tendências, manias e dificuldades. Assim você saberá para quem pedir ajuda, ajudar alguém que perceba dificuldade e assim criar vínculos.

Leia também:  Atestado Médico de trabalho: Saiba tudo que precisa

A maior característica de um líder e saber explorar o melhor de alguém, e melhorar o pior. Desta forma você saberá direcionar as pessoas para atividades nas quais elas possuem maior facilidade.

 

Se aproveite

Depois de se conhecer e saber reconhecer qualquer atitude mascarada de pensamentos inconscientes, você se sentirá livre. Desta forma você saberá melhor fazer com que sua rotina fique agradável.

Desta forma, se aproveite, explore suas qualidades e dons, e destrua qualquer atitude que possa te prejudicar. Assim você terá um mundo enorme para explorar e viver. Portanto lembre-se sempre de parar, respirar e aproveitar a paisagem que sua vida lhe proporciona.

 

Aprecie e ame a individualidade

Se conhecer, suas qualidades, dons e defeitos, fará você perceber que cada pessoa também possui sua individualidade. Assim você aprenderá a não entrar mais na realidade do outro.

Desta forma, quando alguém tentar te “influenciar” você lembrará: “a realidade dela é outra, tudo bem ela gostar disso e não daquilo”. E assim você poderá voltar para a sua realidade e dizer: “Eu quero esta blusa, pois ela me cativa”.

Enfim, você aprenderá que tudo bem as pessoas não gostarem da mesma coisa que você. Tudo bem você não saber o que você quer, quando você não entende suas atitudes. O mundo é muito louco e é fácil se perder procurando o seu caminho.

Portanto você deve analisar tudo, o motivo e onde aquilo te levará. Para que assim você saiba por conta própria decidir se o caminho lhe fará bem ou mal.

Por fim, lembre-se de sua individualidade e que se alguém te criticar ou algo do gênero não é problema seu. Lembre-se que apenas pessoas infelizes tentam deixar as outras infelizes. Assim se alguém te tentar colocar para baixo, lembre-se que o problema real dela não é você, e sim algo inconsciente na qual ela também não sabe lidar.

Veja também sobre o teste vocacional caso sua busca de autoconhecimento é para o mercado de trabalho.