fbpx

Plano de carreira: 6 Passos pra você desenvolver

Construir um Plano de carreira pode ser uma ótima chance de descobrir qual a carreira que mais combina com você. Siga nossas instruções e entenda melhor.

O Plano de carreira será como um mapa que irá te guiar rumo a conquista de seus objetivos profissionais e até mesmo pessoais dentro do mercado de trabalho.

Contudo para que o mesmo seja efetivo é necessário seguir diversas dicas e regras. Desta forma, você saberá exatamente o que você precisa fazer para atingir seus objetivos, embora precise de sua garra e força de vontade.

Além de nos mesmo podermos construir nosso plano de carreira, algumas empresas também oferecem este benefício aos seus funcionários. Embora o benefício seja bastante satisfatório, alguns objetivos não serão alcançados, que é os objetivos pessoais.

As empresa, embora estejam se preocupando com seu funcionário, o mesmo irá vê-lo como isso, um operário, portanto, se você necessita de algumas realizações pessoas, será necessário construir um plano de carreira.

 

O Plano de Carreira

Primeiramente você deverá entender que o plano de carreira serve para você enxergar melhor os seus objetivos ao longo da vida. Entretanto, por mais pessoa que um plano deve ser feito, todos devem possuir as mesmas etapas em sua elaboração, que é:

  • Autoconhecimento.
  • Objetivos Finais.
  • Trajetória até o seu objetivo final.
  • Determinar os investimentos necessários.
  • Motivação.
  • Disciplina

Cada etapa deve ser feita nesta ordem e devem ser colocadas no plano de carreira para que o mesmo funcione. Por mais que pareça difícil, iremos te ajudar a elaborar o seu, então vamos começar:

 

1. Autoconhecimento

Primeiramente antes de começar o seu Plano de Carreira você deverá primeiro se explorar. Para isso, você deverá tirar todos os olhares preconceituosos, criteriosos que temos dentro de nossa cabeça. Entenda que você é um ser único e que não existe certo e errado, apenas perspectivas.

A partir deste pensamento, será um pouco mais fácil descobrir os seus gostos, pois você não irá se limitar por visões distorcidas. Após isso, começa analisar a sua vida e o ambiente onde você sempre se sente confortável.

Após esta analise, determine os locais onde você enxerga os seus dons, talentos e o que deseja explorar. Um exemplo, você é uma pessoa comunicativa que sempre auxilia os outros com bons conselhos? Isso pode ser uma característica de um psicólogo ou professor. Contudo existem vários pontos a serem analisados.

Pontue também hobbies que você deseja ter, ser é dançar, lutar, nadar ou etc. Qualquer um desses pontos devem ser analisados. Ao descobrir que tipo de pessoa que você quer se tornar, fica mais fácil determinar o seu trajeto pessoal ou profissional.

Para te ajudar você poderá realizar um teste de personalidade ou teste vocacional.

 

Leia também:  Prime cursos gratuitos: Sua especialização sem certificado

2. Objetivos Finais

Depois de se entender, você deverá alinhar em seu Plano de Carreira qual o objetivo está mais longe. Este objetivo pode ser o que mais instiga, o que mais vai demorar ou o que mais necessita de outras coisas.

Pense nesse objetivo como algo que irá lhe trazer o sossego, onde, ao conquista-lo, será necessário novas metas. Ele não deve ser o fim da sua jornada, mas sim a onde você deseja chegar ao momento. Conforme você se desenvolva novos objetivos irão se aparecer, e você deverá realinha-los no seu plano de carreira.

Isto ocorre pois estamos sempre aprendendo e nos desenvolvendo, e assim nossa motivações irão mudando. Contudo após determinar seu objetivo final você perceberá que automaticamente um caminho irá se abrir. Esse caminha será a sua trajetória, o percurso que você deverá percorrer para conquistar seu objetivo

mentor profissional plano de carreira corpo

 

3. Trajetória

Esta parte será uma das mais importantes no construção do seu Plano de Carreira. Nesta fase você deverá alinhar o caminho necessário para o alcance do seu objetivo.

Por exemplo:

Se seu objetivo final é de ser uma cantora de sucesso, você precisará alinhar em plano

  • Aulas de canto.
  • Aulas de dança.
  • Postar uma foto por dia em cada rede social minha.
  • Possuir roupas mais enfeitadas.
  • Conseguir um emprego para investir em meu objetivo.
  • Fazer uma faculdade de Relações Públicas (para saber lidar com a mídia).

E por assim vai. Toda esta parte dependerá de seu objetivo e você precisará colocar tudo que é necessário para alcançar. Caso você já possua alguns itens o mesmo não precisará ser anotado, contudo você deverá analisar corretamente tudo o que será necessário.

Por fim, você deverá analisar quanto você gastará para alcançar o seu sonho.

Para te ajudar a fazer sua trajetória você poderá entender melhor como otimizar o seu tempo.

 

4. investimento necessário

Nesta parte você deverá pegar todos os itens anotados em seu Plano de Carreira e dar um valor para ele. Lembre-se alguns dos itens não necessitam de dinheiro, contudo podem necessitar de experiência e tempo.

Leia também:  8 Cursos de Especialização Profissional mais procurados em 2020

Portanto neste caso pontue quanto será gasto com o curso de canto, passagem, com a aula de dança, o tempo que será gasto e etc.

Desta forma você terá uma noção do tempo e do valor em dinheiro necessário para aquele objetivo a curto prazo.

Após isso, quando você tiver uma falta de grana, ter que faltar no curso ou qualquer outro problema, anote. Esses dados irão determinar quanto tempo ainda resta para atingir o seu objetivo.

Por fim você chegará ao ponto que deverá determinar em qual ordem e tempo você deverá realizar as atividades.

 

5. Disciplina no seu Plano de Carreira

Nesta etapa será necessário um calendário, nele, você anotará que dias as atividades deverão ser realizadas e por quantas horas. Desta forma você irá criar uma rotina e deverá segui-la a risca para alcançar seu objetivo.

A cada falta, atraso ou qualquer problema que aparecer no seu cronograma irá afetar no alcance de seu objetivo. Portanto a disciplina será a parte mais importante, pois ela determinará se você chegará ou não no seu objetivo.

Nisso você poderá chegar um ponto desgastante, onde você pode sentir que não está avançando. Contudo entrar em uma rotina é assim mesmo, você irá a cada dia aprendendo mais e se desenvolvendo. Assim será necessário sempre se manter motivado.

 

6. Sua Motivação

A motivação deverá andar lado a lado da disciplina, pois o mesmo que irá mante-la. Portanto tenha total certeza do objetivo escolhido, pois qualquer sinal de duvida a motivação desaparecerá. Ao chegar neste ponto, será necessário mudar totalmente seu Plano de Carreira, e assim perder tempo e recomeçando do zero.

A motivação será a impulsionadora de todo o Plano de Carreira, portanto é necessário a garantia da mesma. Por isso é necessário o autoconhecimento, pois o mesmo será responsável pelo entendimento da sua motivação e garantirá seu objetivo.

Caso ocorra algum erro de motivação, tente se entender e volte ao primeiro passo, pois o erro está lá. Cada passo está interligado, portanto, ao ver qualquer falha veja a etapa anterior e arrume este problema.

Somos motivados pelas nossas ambições, portanto, se as mesmas estiverem erradas, ou mudarem no percurso, será necessário a mudança do objetivo, logo, todo o Plano de Carreira.